quarta-feira, 10 de março de 2010

Fora de Rumo


Hoje ao terminar uma conversa com um amigo, não consegui parar de pensar sobre escolhas, em pensar no poder que elas tem de direcionar nossas vidas. Claro! você já tá careca de saber que a vida é feita de escolhas, mas porque tantas vezes fazemos escolhas erradas, mesmo quando nos é obvio que aquilo não seria o melhor? Esses pensamentos levaram-me diretamente a lembrança de um filme que assiti essa semana, chama-se fora de rumo, mostra como uma simples escolha pode tirar tantas coisas do lugar. Talvez, se Charlie (personagem principal do filme) tivesse escolhido não trair sua mulher, não teria se envolvido em uma cilada, não teria desviado dinheiro da empresa, não teria visto seu colega de trabalho morrer por sua casa, não teria perdido o emprego, não teria perdido o dinheiro de pagar o tratamento de sua filha, e não teria magoado sua mulher com isso, talvez ele não tivesse se envolvido com um assassino e não tivesse se tornado assassino, talvez as coisas tivessem sido diferentes....mas isso é só talvez. Todas essas coisas me fizeram pensar em como constantemente as pessoas tem desejado voltar ao passado para concertar as escolhas erradas, elas pensam em como isso seria bom...mas será que seria bom mesmo? receio que não...Se fosse me dado o poder de voltar ao passado, não tenho certeza se iria aceitar pois não sei onde minhas outras escolhas poderiam me levar. Bom mesmo seria se a gente refletisse antes de escolher, coisa que muitas vezes não acontece por estarmos tão envolvidos no calor das situações.Bom mesmo seria se a cada escolha nós lembrássemos de pensar não só em nós mas nas inúmeras pessoas que nos cercam...Bom mesmo seria não errar, e pra não errar só entregando nossas escolhas aquEle que conhece o nosso futuro...Deus. Enfim, Fora de rumo me fez lembrar que cada escolha nossa gera uma série de acontecimentos dos quais nos orgulhamos ou nos arrependemos e que algumas vezes temos a chance de consertar as coisas, mas outras vezes o caminho é irreversível.

4 comentários:

Dany Alves, disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Dany Alves, disse...

"Se fosse me dado o poder de voltar ao passado, não tenho certeza se iria aceitar pois não sei onde minhas outras escolhas poderiam me levar...". Ao ler isso me coloquei no seu lugar (diante de sua afirmação) e cheguei a mesma conclusão que você, porque bem ou mal, Hoje sei Exatamente Onde estou, Exatamente...

"Experiência não é o que aconteceu com você, mas o que você
fez com o que lhe aconteceu "
(Aldous Huxley)

Dija, The Darkdija disse...

Dany Alves, disse...

"Se fosse me dado o poder de voltar ao passado, não tenho certeza se iria aceitar pois não sei onde minhas outras escolhas poderiam me levar...". Ao ler isso me coloquei no seu lugar (diante de sua afirmação) e cheguei a mesma conclusão que você, porque bem ou mal, Hoje sei Exatamente Onde estou, Exatamente...

"Experiência não é o que aconteceu com você, mas o que você
fez com o que lhe aconteceu "
(Aldous Huxley)
Concordo ...o problema de voltar ao passado seria não ter idéia de como as escolhas poderiam mudar tudo, o que ia se ganhar e se perder...ou seja, no presena estariamos num caminho "seguro", e teriamos alguma noção de como andar nele.

Mariucha Waleska disse...

Obg por complementar minhas palavras...
Vcs são demais!
=D